Os Melhores Pontos Turísticos de Israel

Jerusalém

Se você busca um destino diferente para conhecer, aprecia cultura, adora os fatos da História antiga e pratica diariamente a sua Fé, então a sua viagem aponta para Israel, um país lotado de crenças e belezas que se misturam pelas ruas da capital Jerusalém.

 

Vamos te dar todas as dicas agora, confira:

Imagine um passeio onde você literalmente revive muitos dos fatos que ocorreram na antiguidade, histórias milenares que até hoje estão presentes nos diversos pontos da ‘Terra Santa‘.

Por diversas vezes, Israel esteve ligada aos vários conflitos na questão palestina, mas o país oferece uma excelente segurança para quem decide visitar e passar alguns dias.

O que você deve fazer é pensar além dos problemas religiosos, preparar suas malas e aproveitar o que suas cidades têm de melhor.

 

A Histórica Jerusalém

Israel - Jerusalém - Cidade antiga

Portão de Damasco - Jerusalém

 

Jerusalém é a cidade mais populosa e abriga o judaísmo, o islamismo e o cristianismo. Lá está o Monte do Templo, sagrado para o povo judaico, a terceira mais importante mesquita do Islão.

Muro das Lamentações

O Muro das Lamentações fica na esplanada das mesquitas, onde segundo fontes bíblicas, no local teria existido o Templo de Salomão. É lá que os judeus fazem seus pedidos por escrito e colocam nas frestas das pedras, pedindo com fé a realização de seus desejos.

 

A Basílica do Santo Sepulcro que foi erguida sobre onde supostamente tenha sido o local da crucificação, do sepultamento e da ressurreição de Jesus: o Monte Gólgota, em Jerusalém.

Via Dolorosa

 

Via Dolorosa, pequena rua da cidade por onde Jesus também passou por ela e carregou a cruz em direção à crucificação.

 

 

 

O Cenáculo (no Monte Sião) também ficou marcado pois foi o local onde Jesus realizou a Última Ceia, na companhia de seus doze apóstolos.

Nazaré e a pequena Belém, cidades onde Jesus nasceu e cresceu, são muito visitadas também e você não pode deixar de conhecer.

Um dos mais sagrados locais do Islamismo é a mesquita Al-aqsa, a maior de Jerusalém.

Cúpula da Rocha

 

A Cúpula da Rocha também faz parte desta lista, é o monumento islâmico mais antigo (construído no século 7), e diz a crença islâmica que Maomé ascendeu aos céus a partir deste lugar. Na tradição judaica, a Cúpula teria sido onde Abraão preparou o sacrifício de Isaac.

 

Não deixe de conhecer o Museu Yad Vashem, que homenageia vítimas do holocausto e recebe turistas de todas as partes do mundo.

 

Visite também o Santuário do Livro, o Mosteiro da Cruz, o Teatro de Jerusalém e o Teatro Nacional Palestino.

Tel Aviv – “A cidade que nunca para”

Um dos principais destinos do mundo é Tel Aviv, cidade que fica à beira-mar e possui um litoral magnífico, calçadões por suas praias, parques com muito verde, lojas modernas, museus e mercados ao ar livre.

A moeda israelense é o ‘novo shekel’, mas você mal vai precisar gastá-lo, com essas dicas que preparamos, confira:

As belas praias ficam ao oeste e são excelentes.
Israel - Gordon

A Gordon é a mais famosa para uma boa corrida na areia, e aos fins de semana acontecem danças folclóricas israelenses.

 

 

 

 

 

Israel - Metzizim

 

A Metzizim é boa para jogos de areia como o frescobol; para a criançada, um super parque infantil está montado bem próximo dali.

Leve protetor solar pois o calor é bastante notável.

 

 

O porto de Tel Aviv possui muitas opções de lazer: lojinhas, cafés, restaurantes e varias outras opções para o lazer.

Para quem gosta de legumes, frutas e verduras, uma feirinha te espera no calçadão, também próprio para aquela caminhada no fim de tarde.

Regularmente acontecem festivais de música para todos os gostos por lá.

O parque Hayarkon é visitado por milhões de pessoas por ano, e lá você encontra belíssimas trilhas para caminhar, pedalar e até observar os animais de um zoológico.

Parede de escaladas e pedalinho para as crianças também merecem nosso destaque.

Os passeios a pé são bastante comuns em Tel Aviv, guias ajudam os turistas (em língua inglesa) a conhecer as atrações turísticas.

Jaffa

Os melhores locais para fazer umas fotos são a Cidade Branca e sua linda arquitetura Bauhaus, a Antiga Jaffa com sua feira de antiguidades, e a Universidade de Tel Aviv com explicações sobre estilos e influências internacionais, além das histórias dos prédios.

Brasileiros não precisam de visto, bastando apenas o passaporte com validade mínima de seis meses a partir da data de entrada no país.

O processo de imigração é feito com o preenchimento de um formulário entregue ainda no avião. O mesmo deve ser apresentado no embarque de volta.

Vai alugar um carro por lá? Nossa carteira de habilitação vale para Israel também, sem a permissão internacional obrigatória para dirigir.

E então? Já programou sua viagem à belíssima Israel?

Deixe seu comentário